• +(11) 98256-3734
  • agencia@newtimescomunicacao.com.br

“O 15 de novembro traz sentimentos que Osasco precisa”, diz presidente da Ordem

“O 15 de novembro traz sentimentos que Osasco precisa”, diz presidente da Ordem

Para José Geraldo Setter, presidente da Ordem dos Emancipadores de Osasco, o Dia da Proclamação da República proporciona sentimento nacionalista e cívico

release03_ordem_site

Por New Times Comunicação

Nas celebrações do Dia da Proclamação da República, a cidade de Osasco promoveu na manhã de quarta-feira, 15 de novembro, o hasteamento de bandeiras e execução do hino nacional e do município. A cerimônia, realizada no tradicional Calçadão da Rua Antonio Agu, é parte do “Programa Nossa História”, idealizado por Sebastião Bognar, atual secretário municipal da Cultura, que conta com participação e colaboração da Ordem dos Emancipadores de Osasco (OEO).

Na oportunidade, foram hasteadas cinco bandeiras: a brasileira, a do estado, a da cidade, a do Osasco Plaza Shopping e, por fim, da Associação dos Ostomizados de Osasco e Região (AOOR). Presidente da Ordem, José Geraldo Setter ajudou a hastear a bandeira nacional. Após o pronunciamento do ex-vereador André Sacco, ele explicou a importância da cerimônia.

“Hoje é um dia glorioso. Esse evento traz de volta o sentimento nacionalista e cívico que a cidade precisa. Os jovens precisam entender a importância da execução do hino e do hasteamento da nossa bandeira. Esse evento inclusive vai para todas as escolas, e é apoiada por nossa entidade”, salientou Setter.

Na organização do evento, Bognar também alertou para a necessidade do programa e analisa que para construir um bom futuro, é precisa conhecer o passado. “Quando conhecemos a nossa história, valorizamos e respeitamos aqueles que construíram nossa cidade e nosso presente se torna melhor. Não apenas nossa cidade, mas o Brasil todo precisa olhar um pouquinho mais para nossos símbolos nacionais e para os valores que são autênticos do povo brasileiro. Essa atividade iniciada no gabinete do prefeito Rogério Lins ajuda a despertar o sentimento cívico e patriótico das pessoas”, declarou.

O “Programa Nossa História” chega à sua 10ª edição com objetivo de reintroduzir o retorno do canto do hino de Osasco em escolas e praças públicas.

Please follow and like us:
New Times Comunicação